segunda-feira, 29 de setembro de 2008

CORRIDA DE 5KM NA MOOCA






Bom dia a todos.
Este final de semana estive na região da Mooca para participar de uma corrida de 5Km organizada pela Subprefeitura.
Percurso relativamente fácil, sem qualquer dificuldade, a não ser a chuva e o frio que estavam por lá, novamente nos castigando.
Estavam também o pessoal do SESC Pinheiros e o pessoal do Parque Santos Dias que deram uma boa agitada e fizeram muita festa.
Eu e a Cleide acordamos as 5hs, tomamos nosso café e saímos da região de Santo Amaro as 06hs, mais ou menos as 06:40 ja estávamos na Mooca, onde também encontramos o meu ja famoso cunhado Didimo.
A entrega dos kit foi meio desorganizada,o que ocasionou o atraso do inicio da largada.
A saída foi as 09hs, com bastante garoa, foi uma corrida onde corremos sem chip, portanto quem estava sem relógio não tem como saber o seu tempo real.
Acabei a corrida em 24,12min.
Parabéns a todos que participara desta prova, que foi mais para um treino rápido, tanto que depois eu e a Cleide voltamos para o SESC Pinheiros para complementamos com exercícios de musculação.

Domingo que vem estarei no Parque Ecológico do Tiete treinando para a Meia Maratona do Rio de Janeiro, que será no dia 12/10/2008.

Abração a todos.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

REVEZAMENTO PÃO DE AÇUCAR



Bom dia a todos.
Este final de semana estive na região do Ibirapuera participando da Maratona de Revezamento Pão de Açúcar.
Muito frio e muita chuva resumiriam o dia da corrida na região, mas as coisas estavam piores, deixa eu contar a historia.
Na semana anterior a prova fui acometido de uma gripe muito forte, que começou exatamente na segunda feira, passei a semana toda tomando chá e remédios para tentar reverter a situação na qual eu me encontrava, já que teria que correr no domingo.
Na sexta feira eu já estava desesperado, porque a gripe não passava apesar de todos o cuidados que havia tomado, os treinamentos para a corrida estavam comprometidos, não conseguia me alimentar corretamente,totalmente sem paladar, na sexta anoite acabei por tomar uma injeção de Benzetacil com Voltarem para ver se conseguia resolver drasticamente o problema e estar em condições de participar da corrida. Nada.
Passei o sábado tomando chá e medicação e nada de ficar bom, o sábado foi outro martírio.
Chegou o domingo, eu e a Cleide acordamos as 05:00hs, eu acordei muito mal, fui até a janela, quando olho para fora, aquela chuva e muito frio, tive vontade de desistir e voltar para a cama. Só que a corrida de revezamento são vários atletas formando uma equipe, se você desistir alguém será sacrificado, pois terá que correr por ele e pela outra pessoa que faltou, quer dizer outra pessoa passaria pelo frio e pela chuva no meu lugar, como não sou homem de fugir da luta, fui para o chuveiro tomar um banho e ir para a "BATALHA", sim para este soldado, seria uma batalha.
Procurei me agasalhar o melhor possível e fomos ao ponto de encontro, chegamos na região e já estavam por lá o meu cunhado Didimo e meu irmão Edson (este foi de moto, muito corajoso o menino),ou seja, a equipe estava completa. A saída seria dada pelo Didimo as 07hs eu faria a troca seguinte depois a Cleide e fecharia com o Edson.
Enquanto o Didimo ja corria a primeira perna eu sofria bastante para manter o corpo aquecido, depois de 40 minutos de corrida fui para a área de troca, acho que São Pedro estava querendo realmente me testar, foi só chegar a área de troca a chuva e o vento desabaram de vez, todo o aquecimento que acabara de fazer foi por agua abaixo.
A minha sorte foi que encontrei a turma do SESC Pinheiros, estavam também para a troca a LÚ e o Crezildo, passamos a brincar um com o outro, isso me fez esquecer um pouco do sufoco que estava passando naquele momento. Enfim o Didimo chegou, passou o chip com a pulseira e fui embora na minha batalha pessoal, a corrida é assim: só você sabe a luta que esta travando para chegar ao seu objectivo que é concluir a prova.
Comecei com muita dificuldade, a respiração não estava sincronizada com as passadas, nos primeiros 2KM achei que não conseguiria mais correr, mas aí você começa a conversar com você mesmo, não poderia desistir naquele momento, afinal fazia parte da equipe, tinham pessoas que estavam me esperando, passando pelas mesmas dificuldades que eu, se não pior, pois estavam paradas e molhadas, ou seja, passando um baita frio, estavam me aguardando, não, não poderia desistir, tinha que chegar de qualquer jeito. Procurei diminuir o ritmo e cadenciar a respiração com as passadas, a coisa melhorou um pouco, como era meu dia de provação o meu ténis desamarrou duas vezes, sim duas, a coisa tava brava. No KM5 e no KM7 tive alguns episódios de tonturas e novamente tive que diminuir o ritmo, pois me assustou um pouco porque a foi bem intenso, apesar de tudo consegui concluir a prova, "BATALHA FOI VENCIDA"

Esta corrida foi um verdadeira superação, não só no meu caso, mas todos que foram participar.

Gostaria também de falar de um momento que mostra o quão solidários a corrida nos deixa.
Quando cheguei aos frangalhos e passei o chip para a minha esposa Cleide que mesmo tendo que correr os 10.560KM, a maior preocupação dela era me avisar onde estava a minha blusa de frio para que eu pudesse me agasalhar, quem corre uma Maratona de Revezamento sabe que essa troca é super rápida e não da tempo pra muita coisa, mas mesma assim ela achou tempo para cuidar.
Outra episódio foi com meu irmão Edson, me estendeu a mão e me amparou naquele momento,já que cheguei exaurido, foi muito bom ele estar ali para me receber.
Apesar de tudo me sinto muito orgulhoso da EQUIPE, foi uma superação de todos.
Gostaria de dar os parabéns também as outras equipes que participaram da prova e passaram pelas mesmas dificuldades.
Foram formadas por:
Glaucio, LÚ, Damião e Danilo.
Crezildo, Arnaldo, Cleber, e Marcio.

PARABÉNS A TODOS, REALMENTE FOI UM DIA DE SUPERAÇÃO.

PROXÍMO TIRO SERÁ NA MÓOCA DIA 28/09/2008, ATÉ LÁ

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

CORRIDA NO SESC DE SANTOS

video
Bom dia,
Este final de semana estive em Santos participando da corrida organizada pelo SESC da cidade. Sábado fui eu e o meu filho Rafael jogar bola no KM 11 da Rodovia Anchieta, estava bem frio e com muita chuva, faltando uns dez minutos para terminar um grande amigo(GALLO)
acabou me dando uma solada(PÉ ALTO),cuidado este zagueiro não perde a viagem, joga bola com uma caixa de ferramentas e só usa nos craques do time adversario(hehehehe) tive que sair do jogo, pois estava sentindo muita dor no pé esquerdo. Logo a pós fui para Itanhaem(Gaivota) onde ficaria a noite, e no domingo ir para Santos. A noite inteira choveu no litoral, acordei as 5:00 horas e tomei um café e saí as 06:00hs de moto embaixo de muita chuva com destino a Santos. Cheguei na cidade as 07:00hs, a largada seria as 09:00hs, deu tempo de ir até a padaria e tomar um café mais reforçado. No SESC estava uma verdadeira festa, com palhaços, banda de musicas, malabaristas e várias atrações, realmente uma festa muito bonita, de pessoa conhecida estava a Fátima esposa do meu amigo Damião. As 09:00 hs foi dada a largada, fiz um bom aquecimento, mas ainda estava sentindo muita dor no pé esquerdo, comecei mais lentamente para evitar ter que parar no meio do caminho,a partir do KM 5 estava bem aquecido e a dor no pé havia diminuido bastante, apesar da chuva e frio, comecei a acelerar um pouco mais, uma corrida relativamente fácil, onde foi uma grande reta de 5km, ida e volta, fechei com o tempo de 0:48:30, um tempo bom, apesar dos problemas.
Gostaria de deixar o meus parabéns para a Fátima, pelo tempo excelente de 0:58:30 hs.
Também parabenizar o pessoal do SESC de Santos pela excelente organização do evento e tambem pela solidariedade, ja que o pagamento da corrida era uma lata de leite, um belo gesto e com certeza o ano que vem estarei por lá novamente.

Próximo tiro será na MARATONA DE REVEZAMENTO DO PÃO DE AÇUCAR 21/09/2008
ABRAÇÃO A TODOS

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

O ENCONTRO DE GERAÇÕES

CORRIDA DA INDEPENDÊNCIA

Aqui já narrei varias passagens que ocorrerão comigo, familiares e meus amigos antes, durante e depois da provas.
A várias pessoas que venho tentando incentivar a pratica de atividades físicas, por meio das narrativas que faço neste BLOG. e sempre faço a seguinte pergunta as pessoas que começaram a caminhar ou correr “Quais os males que atividade física trouxe?" a resposta é: "NENHUMA", só me acrescentou coisas boas.
Pois é , e como se já não houvesse acrescentado só coisas boas na minha vida, entre elas: perdi mais de 6 quilos, parei de fumar, gosto ainda de uma cervejinha, mas bebo bem menos, fiz vários amigos, a minha esposa pratica a corrida junto comigo, os meus filhos de vez em quando estão juntos também, viajo mais, com o pretexto de correr acabo conhecendo vários lugares.
Mas nada supera o que aconteceu comigo neste final de semana, mais especifícamente na corrida da Independência.
Quando estive em Tatuí fazendo uma visita para a minha mãe, nós conversamos e ela me disse que estava fazendo caminhadas e com isso se sentia muito bem, fiquei muito feliz com a notícia, apesar de todas as dificuldades que ela tem, só para dar um exemplo, acorda as 05:00hs da manhã, as vezes a amiga vai com ela, mas na maioria das vezes vai sozinha, é uma escuridão tremenda, muitos cachorros, e um frio de lascar, mas mesmo assim lá esta ela com sua garrafinha de água, fazendo sua meia ou mais horas de caminhada, volta feliz e realizada, passa o dia com uma sensação bem agradável e se sente de bem com a vida, pessoal estamos falando de uma pessoa de mais de 60 anos e com uma história de vida intensa, com 11 filhos e muito sofrimento, sim a vida dela não foi fácil,mas enfim continuamos a narração, acabei incentivando-a a vir a São Paulo para participar da caminhada da Independência, mandei e-mails aos familiares para prestigiarmos a mais nova integrante das corridas e caminhadas, minha MÃE. Vieram prestigir Didimo, Edson, Gustavo, Cleide, Rafael, Celinha,Cleide, e a mais nova corredora da familia a Mariana, sim a pequena Mariana acompanhou a vó em um percurso de 5KM, chegando ao final da prova inteirinha. Então faço aqui uma homenagem as duas, que apesar de acordarem cedo em um domingo friorento, estavam lá participando da corrida juntas, alegres e de bem com a vida, e pelo que estou vendo elas pegaram gosto pelas corridas e com certeza estarão em muitas outras provas que virão.

Foi um dos dias mais felizes da minha vida.
Elas concluiram a prova e receberam suas medalhas, fomos para a casa do meu irmão Rodrigo, onde encontramos o restante dos familiares para comemorarmos com um bom churrasco e muito samba.

Espero vocês que estejam lendo agora esta matéria, que incentive seus familiares a pratica de atividade físicas, pode ter certeza só lhe trará bons momentos.

Acabei nem falando da minha corrida, hehehehe, acho que hj nem precisa.

Abração a todos o próximo tiro será dia 14/09/2008 corrida de 10KM na cidade de Santos.

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

MEIA MARATONA DA PRAIA GRANDE

Bom dia a todos.
Este final de semana eu e mais uma galera fomos para a cidade de Praia Grande participar da meia maratona. Acordamos as 4:hs da manhã, eu a Cleide e a Neide, que foi dormir em casa para failitar, ja que teria que sair de casa no meio da madrugada, as 4:30hs o Junior, outro corredor, e sua esposa passaram no condominio onde fomos todos juntos, paramos na padaria da Av Bandeirantes para tomarmos um café, estava muito frio, tivemos também que passar na casa no meu irmão Alexandre que fica em São Bernardo do Campo, para deixar o kit da corrida da Nike, tudo isso é para vocês verem como o amanhecer foi agitado, chegamos na Praia Grande mais ou menos 06:45hs, logo em seguida chegaram toda a galera, Lú, Danilo, Glaucio, Janete, Felix, Edmilton, Eva,Didimo, Janete enfim todos os corredores . A largado se deu extamente as 09:00, estava caindo um garoa fina, mas o frio deu um tempo, o que foi legal para podermos fazer uma aquecimento adequado. O começo foi tranquilo, pois a garoinha nos ajudava a ficar bem refrescado, mantive um ritmo bem tranquilo, estava preocupado, pois o ano passado quebrei no KM 17 em virtude do calor, e acabei com o tempo de 2:03hs, este ano queria fazer bem e diminuir este tempo. Na volta, depois do KM 10,5 o sol apareceu forte, mantive a concentração, apesar de cansado consegui chegar no KM 19 com o tempo de 1,43hs. Consegui manter o ritmo e terminei a prova com o tempo de 1:54hs.
Gostaria de dar os parabéns as seguintes pessoas:

Neide: que mesmo sem estar escrita foi correr e deu uma força para muitas pessoas. Ela acompanhou a Cleide e o Junior dando um incentivo e sem perceber incentivava outras pessoas, que no final da corrida foram lhe agradecer.

Cleide: por baixar o seu tempo em relação ao ano passado.
Junior e Cris: foram excelentes companhia e espero que a Cris venha correr conosco em breve.

Glaucio,Didimo,Felix,Danilo e Eva pelo tempo excelente que fizeram, haa!! e também a Lú.

Abração a todos e até o próximo tira que será:

Corrida da Independência dia 07/09/2008