terça-feira, 5 de janeiro de 2010

SÃO SILVESTRE - ÚLTIMA CORRIDA DE 2009. FOI ÓTIMA



Boa tarde a todos.

No último dia 31/12/2009 estive na região da Av. Paulista fazendo uma corrida de São Silvestre.
Desta vez resolvemos fazer uma bonita festa, pois haveria vários estreantes e alguns retornando para as corridas oficiais.
Cheguei ao local por volta das 15:00hs, não demorou para os familiares e amigos começarem a chegar.
Dentre as pessoas que retornaríam as pistas estavam o meu irmão Rodrigo (contusão joelho, seguido de cirurgia) e o meu cunhado Dídimo (lesão na tíbia).
Os estreantes na prova: Rafael (filho), Guilherme (sobrinho), Dudão (sobrinho), Tati (amiga do SESC), Raimundo (amigo do SESC), todos ansiosos para a estréia nos 15 kms.
Estavam presentes para nos apoiar: Jack (filha), Célia (irmã), Márcia (cunhada), Mariana (a menina mais bonita do MUNDO, sobrinha), Guto (sobrinho), Nilda (cunhada), Nataly (sobrinha), Vanessa (sobrinha), Tiago (sobrinho), Andréia (namorada do Duda), fiquei muito contente, pois quem sabe estaremos todos correndo no final de 2010, aqueles que vão para fotografar acabam gostando e depois passam a correr conosco, não é Paulinha?
Entre amigos e familiares acredito em mais de 20 pessoas juntos na Paulista, todos com muito bom humor, uma energia contagiante, o sol forte era motivo de preocupação, mas todos com um só propósito, chegar ao fim da corrida e comemorarmos um final de ano que foi maravilhoso e começar 2010 com o pé direito.
Durante os preparativos para a largada entreguei ao meu sobrinho Dudão o kit da corrida (numeração chips e) o pai dele (Dídimo) não sabia que o filho correria ao seu lado, foi um momento de muita emoção.
Depois de muitas fotos e bate papo nos alinhamos na linha de largada, havia muita gente (mais de 20.000 pessoas), dada a largada procuramos ficar com uma molecada a tática era a de correr na boa, afinal eles eram jovens, mas em corridas longas inexperiente.



Descemos a Rua da Consolação em uma linha muito interessante, os filhos na frente e atrás dando cobertura e orientação os pais.
A primeira parte da corrida que é a descida da Consolação, fizemos com muita tranqüilidade, os meninos reclamando que não passávamos ninguém e que todos estavam nos passando, a famosa impaciência juvenil, procuramos explicar aos meninos que tivessem paciência, pois logo passaríamos aqueles que saíram muito afoitos, ou seja, pessoas que saíram muito forte começariam a sentir a prova e não demorou muito para isto acontecer, com o calor forte pessoas começaram a ficar pelo caminho.
Chegando ao primeiro posto de água, percebi que a corrida para muitas pessoas não vale a pena, principalmente para quem saí atrás, era uma verdadeira bagunça para pegar água, consegui pegar uns copos e levá-los até a equipe, afinal os meninos não tinham experiência, e as pessoas empurravam todos que paravam na frente para se abastecer com água, e o calor estava muito forte, não havia água que desse conta.
No km 5 o meu filho Rafael começou a sentir a prova, apesar do nosso ritmo esta bem confortável, como eu procurava dar apoio em relação à água, meu irmão Edson ficou um tempo com o Rafa, mas em virtude disso nosso o ritmo caiu muito e os outros começaram a se distanciar, foi quando percebi do outro lado o meu irmão Rodrigo que corria no mesmo ritmo do Rafael, eles ficaram juntos e eu e o Edson seguimos em frente para juntarmos aos outros.
No quilômetro 10 eu e o Dídimo nos perdemos da equipe e só fomos encontrá-los nos km 12,5, neste momento o Dudão nos informou que sentia dores no joelho, procuramos então Diminuir o ritmo e incentivá-lo, afinal faltava menos de 3 km para a chegada, na subida encontramos a Cleide e o Alexandre (irmão), para o Duda a subida não era fácil, mas mesmo assim o bravo lutador seguia em frente.
Uma da surpresa agradável foi o Guilherme que estava sobrando na corrida, subindo na maior boa sem mostrar qualquer sinal de cansaço.
Enfim chegamos na Av. Paulista, Foi um momento único, na arquibancada estavam todos que nos davam apoio, MUNIDOS de maquinas fotográficas e nos dando a maior força, foi realmente um momento mágico.
Passamos na linha de chegadas com as mãos dadas e agradecendo a Deus pelo momento maravilhoso, meu irmão Rodrigo e meu filho Rafael chegaram logo em seguida com muita festa e acima de tudo com uma sensação de dever cumprido, afinal está corrida não é fácil.
Depois fomos bater um papo de se encontrar com vários amigos que haviam chegado, foi muito legal ver todos com o semblante de vencedores.





Gostaria de dar os parabéns aos "meninos": Dudão, Rafael e Guilherme pela excelente corrida e espero estejam em outras corridas daqui para frente. Parabéns ao Dídimo, Rodrigo, Alexandre, Naldão e William pela corrida.Parabéns as "meninas" que nos apoiaram e tiraram as fotos e, sem elas a festa com certeza não teria o mesmo brilho.

Parabéns ao Raimundo, Taty, Célia Muto e Luiz que completaram a prova e dividiram este momento de alegria com a minha família.


Parabéns ao Poeira um amigo que conheci correndo e que tem uma lição de vida, ele pesava 150 quilos, e no lugar de ficar chorando com a situação foi à luta e depois de 50 semanas a balança mostrava 89 quilos e hoje ajuda vários atletas, quando você estiver correndo e encontrar com o "Homem da bateria", troque uma idéia com ele, você não irá se arrepender, o homem tem muita experiência.Hoje procurei citar vários nomes (desculpe se esqueci alguém) como forma de homenagear este lutadores, na corrida não existe classes sociais e sim corredores e acima de tudo amigos, passei o ano correndo entre eles, isto me faz sentir um ser humano melhor.
É simplesmente contagiante a alegria de todos, como sempre digo: "São pessoas do bem".

Desejo a todos um 2010 com muitas corridas, porque com a corrida você encontrará o equilíbrio.


PRÓXIMO TIRO: 17/01/2010 CORRIDA DE 10 km DO SESC DE SANTO AMARO. ATÉ LÁ


2 comentários:

Anônimo disse...

ola meus amigos meus parabens a todos e sembre emocionante e gratificante acompanha este blog nao tenho palavra e a voce didinho muito obrigado pela sua volta e um grande enjecao de animo e coragem para todos nois a cada dia que passa e saber que voce voltou e muito bom sabemos que quizermos fazer poderemos e so agreditar obrigado a todos ( junior )

karina maria disse...

Olá meu mais novo amigo...acho que posso já te chamar assim.
Quero te dizer que o video que esta no seu blog que assisti ontem com vc me deixou bastante pensativa, mais de forma positiva.
Um tapa com luva de pelica para olhar a vida com outros olhos e perceber que nossos problemas as vezes são tão pequenos, q se encontrarmos o equilibrio e desejar sempre que o melhor aconteça as coisas podem sim mudar para melhor.
Obrigada pelo o apoio de sempre.
Ah vou mostrar para o namorado seu blog, quem sabe não me animo para correr qql dia desses..rs..

super bjo